Romance e História na terra de Romeu e Julieta

Sophie é uma aspirante a escritora que viaja para a Itália ao lado do noivo Victor. Em Verona, onde se passou a história de Romeu e Julieta, local perfeito para uma lua de mel antecipada, Sophie descobre uma antiga carta de amor e junta-se a um grupo de voluntárias que responde estas missivas amorosas. Para sua surpresa, a remetente Claire ouve o conselho dado na resposta e vai procurar Lorenzo, por quem se apaixonou na juventude.

A sinopse acima é do filme Cartas para Julieta, um romance, conforme dito na sinopse, situado na cidade italiana de Verona e inspirado no clássico de William Shakespeare, Romeu e Julieta. Explicado o cenário e sendo este um dos principais locais desse Trash the Dress irado realizado na Itália com o casal Evelyn e Davi, creio que nem precisaria falar o quanto a noiva é fascinada pela história dos Montecchios e dos Capuletos.

Começamos nossa trip por Veneza. Lá, alugamos um Airbnb e já partimos direto pra deixar as coisas e sair logo para fotografar. A ideia era tentar fazer algo mais conceitual em relação à cidade, pois como iríamos ficar somente um dia não ia dar para fazer muita coisa histórica, ou explorar pontos menos conhecidos da cidade. Demos o clássico passeio de Gôndola e à noite saímos para comer.

No dia seguinte, de manhã, saímos de carro para Verona e a cidade não só inspirou o filme como parece, realmente, cinematográfica! Como de praxe, deixamos as coisas no hotel e já partimos para o Centro Histórico para fazer fotos. Tem muita coisa bacana pra ver na cidade e tiramos altas fotos, incluindo a Arena de Verona (3ª maior Arena do mundo). Basta dizer que a UNESCO a declarou Patrimônio Histórico da Humanidade pela sua estrutura e arquitetura urbana. Fomos também, é claro, visitar o local do filme Cartas para Julieta, que jamais poderia passar batido 😊. Chegamos lá e estava MUITO lotado! Mas mesmo assim conseguimos fazer fotos bastante interessantes. E o que vale mais, a noiva curtiu muito pois era importante para ela fotografar neste local.

Depois de Verona ainda fomos em Manarelo, onde fica a fábrica da Ferrari, uma pista de testes, e um museu onde estão expostos modelos da marca fabricados nestes 60 anos de funcionamento. Simplesmente irado!

No dia seguinte, já em Florença, começamos o dia num passeio à Vinícola Antinori, reconhecida como uma das melhores do mundo. Almoçamos por lá e a ideia era fazer uma sessão de fotos no local, mas infelizmente precisávamos de autorização para tirar fotos lá, e nós não conseguimos. 😩

Pra nossa sorte, o Felipe, que é da Fiobranco Filmes, e que acompanhou a gente nesse Trash, já conhecia Florença e havia se hospedado, em outra oportunidade, num lugar chamado Castello Di Gabbiano, que foi a melhor ideia da parada. Felipe aproveitou a estadia anterior e o fato de já conhecer o lugar e conseguiu a liberação para fotografarmos por lá, que também tinha uma Vinícola e fez valer a parada. Foi animal!

Depois descemos para a parte histórica e fomos conhecer a principal escultura da cidade, o David de Michelângelo (que também estava lotado!). Mas como sempre, demos um jeito de fazer algumas fotos apesar do tumulto, e ainda deu tempo de conhecer a famosa Ponte Vecchio.

Após Florença pegamos um trem para Roma. E sobre essa cidade fica difícil até falar de tanta coisa que tem pra ver. Fomos direto para o centro histórico conhecer o Coliseu, a Fontana di Trevi, o Fórum Romano, além de ainda visitarmos a Basilica di San Pietro, no Vaticano. É muita história, meus amigos! 😍

Conhecemos também um bairro um pouco afastado de Roma, mas muito charmoso, com vários restaurantes bacanas e várias igrejas, o Trastevere. Andamos muito, mas foi muito bacana!

Muito romance, muita história por essas cidades italianas, mas principalmente um ajuste fino com esse casal top que me propôs esse Trash tão genial e romântico. Exlorar cada canto dessas cidades foi incrível e espero que com as fotos que estão por vir esses momentos se tornem inesquecíveis para os dois.. 🇮🇹

3